2010-02-17

angry



Sinto raiva a crescer .
a quer-se libertar de uma vez .
Sinto incapaz de a controlar
apesar de aguentá-la cá dentro .
Sinto algo quente,
algo mal,
dentro de mim .

Parece que não tenho salvação.
não tenho recuperação disto que me tortura .
Doí mas nada posso fazer .
Apenas tenho de deixar isto,
destruir-me por completo .
Queimar-me por dentro .
Magoar-me sem fim próximo .

Descarrego aos bocados,
aos poucos,
ás pequenas doses .
Será suficiente ?
Será que resulta ?
Não saberei .

Tento atingir
objectivos traçados .
Só que existe algo
que os torna complicados .

Não obtenho resposta
do porquê de isto me acontecer .
Acumulam-se perguntas
das quais solução não vou saber .

4 comentários:

joana meneses disse...

boa imagem :)

joana meneses disse...

obrigada e parabéns pelos poemas. (:

Joana S. *-* disse...

Obrigada :)
Bem, espero que isso melhore então :Z
Parabéns pelos textos ;D

joana bernardo disse...

adoro o teu blog. continua. beijinhos *